Hoje, no período da manhã, estivemos na  EE Magali Alonso (PG) falando sobre Amizade.

Hoje, no período da manhã, estivemos na  EE Magali Alonso (PG) falando sobre Amizade.

Conversamos sobre o que é amizade verdadeira e sobre as “amizades” ao redor deles. Enfatizamos, também, que no ambiente familiar é onde devemos ter nosso maior círculo de amizade e que devemos batalhar por isso.

Na dinâmica, usamos um barbante que seria passado de um para o outro , levando consigo um elogio para o amigo.

-“ Nós falamos da necessidade que temos de ter amigos , pois ninguém vive só. Até Jesus sendo Deus, no momento de dificuldades antes da crucificação, chamou os discípulos para orar com Ele no Getsêmani. Mas falamos também sobre a verdadeira amizade que se doa, corrige quando vê que estamos trilhando caminhos ruins. Amigos também falham, assim como nós também”, conta Talita sobre a abordagem feita.

Amizade foi definida pelos alunos como lealdade e estar presente mesmo em meio a dificuldades, não apenas nas alegrias ou período bom .-“ Notamos que muitos têm feridas e mágoas relacionados a esse tema. Alguns desacreditam que tenham amigos, ou que isso seja real.  Um aluno chegou a dizer que era possível sim viver sozinho sem amigos”, completa Talita.

É por esse motivo que estamos ali e nos alegra saber que temos um amigo fiel a nós e que é capaz de curar essas feridas, trazendo seu amor e liberdade para que possamos nos relacionar novamente sem pensar no que poderemos sentir ou vivenciar. E é somente com Jesus, que podemos também, ser um amigo relevante na vida de outros e até melhor do que esperamos que sejam para nós.

E pra você glorificar de pé ai do outro lado do texto, ouve só o relato de uma das professoras, que dá aula aqui no Magali e no Toschi também, onde estamos nos 3 períodos capelaniando: -” Ela  disse o quanto se alegra de ter a oportunidade de ouvir as mensagens mais de uma vez por semana “, conta os voluntários cheios de alegria.

Como é bom fazer parte disse. Como é bom vivenciar na prática o amor de Deus invadindo os corações.

Se você quiser fazer parte desse projeto, entre em contato com o Coordenador de Capelanias, Rafael França, através do telefone: (13) 97411-3910

0 Comments

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *